Noticia

POLÍTICA

Frente Parlamentar Evangélica cobra esclarecimentos do ministro da Educação

Sóstenes Cavalcante cobrou esclarecimentos do ministro da Educação.

O presidente da Frente Parlamentar Evangélica, Sóstenes Cavalcante (DEM-RJ), decidiu conceder uma coletiva de imprensa nesta quarta-feira (23) sobre o caso envolvendo o ministro da Educação, Milton Ribeiro, sobre suposto esquema de repasses de recursos envolvendo pastores.

Sóstenes Cavalcante esclareceu que a Frente Parlamentar Evangélica não indicou nenhum dos ministros evangélicos que fazem parte do governo, mas enalteceu o respeito do presidente Jair Bolsonaro com o segmento.

O presidente da Frente Parlamentar Evangélica, Sóstenes Cavalcante (DEM-RJ), decidiu conceder uma coletiva de imprensa nesta quarta-feira (23) sobre o caso envolvendo o ministro da Educação, Milton Ribeiro, sobre suposto esquema de repasses de recursos envolvendo pastores.

.

Além disso, Cavalcante considerou grave os áudios e as acusações, afirmando que o ministro precisa esclarecer os fatos, mas que deve ser considerada a presunção de inocência e que os envolvidos devem ser punidos se for comprovado atos ilícitos.

O presidente do colegiado disse que cobrou pessoalmente do ministro da Educação esclarecimentos sobre supostos recursos para igrejas e qual seria a função dos pastores que estavam negociando recursos com prefeitos.

Na coletiva, Sóstenes Cavalcante afirmou que o áudio vazado é do ministro Milton Ribeiro, mas que ele precisa esclarecer os fatos, já que os áudios podem ter sido tirados de contexto.

O deputado disse que deixou claro para o ministro que não estava satisfeito com a nota divulgada por ele e que seria necessário novos esclarecimentos para a sociedade.